Reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares “trava” novamente
   Mozart  Luna  │     23 de outubro de 2018   │     19:24  │  0

Até agora a reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares, em Rio Largo, para categoria Delta (D) não foi concedida. Situação que frustra vários projetos de receber voos regulares internacionais, que aguardam o fim de uma novela que se arrasta há mais de três anos. A expectativa é que a reclassificação ocorresse agora em outubro, mas não aconteceu.

Os empresários que fazem parte do trade alagoano até ficaram otimista, depois que a prefeitura de Rio Largo deu andamento aos trabalhos, para atendimento das exigências da Secretaria de Aviação Civil (SAC) e Infraero para a conquista da reclassificação.

Entretanto, segundo informações do trade alagoano, os trabalhos foram paralisados o que também atrasou o processo de reclassificação do aeroporto. Com isso um dos projetos mais esperados, para o estabelecimento de voos regulares da companhia aérea portuguesa TAP, para julho de 2019 poderá não se concretizar.

Já uma fonte da Infraero em Brasília, diz que não existe novidades no processo de reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares e que tudo segue normalmente, “no ritmo burocrático do serviço público”, enfatiza a fonte.

A reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares possibilita o credenciamento para que as companhias aéreas internacionais possam estabelecer voos regulares, colocando Alagoas na rota internacional de turismo, principalmente da Europa.

Processo estava travado devido ao não cumprimento das exigências da SAC, Infraero e Anac. Depois de uma mobilização político junto a prefeitura de Rio Largo, um plano de trabalho foi elaborado e a partir dai se deu andamento a retiradas de obstáculos urbanos existentes em volta do aeroporto, que colocavam em risco as operações de pouso e decolagem das aeronaves de grande porte.

Tags:, , , , ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *