CVC faz mais uma mudanças dando o perfil de empresa financeira
   Mozart  Luna  │     15 de setembro de 2020   │     19:09  │  0

                        Bruno Capobianco é oriundo do mercado financeiro

A maior operadora de turismo da América Latina, CVC Corp continua realizando sua reengenharia com mais uma mudanças dando características cada vez mais financeira a empresa de turismo. Desta vez foi a vez de  Ricardo Pinheiro diretor executivo de Operações e Serviços Compartilhados do grupo e quem assume sua função a partir do dia 21 deste mês é Bruno Capobianco, reportando-se CZO CVC Corp, Leonel Andrade.

Bruno Capobianco tem 41 anos e como os outros que chegaram recentemente é oriundo do mundo financeiro, sendo 20 deles dedicado em especial, na área de operações, por onde vem trilhando sua carreira nos últimos 14 anos.

Já trabalhou fora do País (no Chile e no Peru) e atuou no HSBC e no banco japonês Sumitomo Mitsui, de onde sai para se integrar à CVC Corp. Para ele, “a antiga visão de que Operações é um departamento meramente executor já não tem espaço nas organizações”. Segundo o executivo, o departamento é o elo do negócio com a experiência do cliente, confiança da marca e gestão de custos.

Pinheiro é mais um diretor da gestão anterior a ser substituído desde a chegada de Leonel Andrade como CEO da CVC Corp, em abril deste ano. Andrade reestruturou o grupo, extinguindo algumas diretorias e criando outras, e trazendo profissionais de fora do Turismo. A próxima a chegar, em novembro, será Daniela Bertoldo, para substituir Emerson Belan no comando das unidades B2C da CVC Corp.

A área B2B está sob o comando de Luciano Guimarães, um dos poucos diretores a permanecer depois da reestruturação. Ele comanda as marcas RexturAdvance, Trend, Esferatur e Visual, que devem ganhar nova bandeira e estrutura no começo de 2021. Guimarães falou ao Portal PANROTAS na última sexta-feira, 11.

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *