Manchas de óleo: Procon-SP autoriza cancelamento de pacotes para o Nordeste
   Mozart  Luna  │     15 de outubro de 2019   │     9:02  │  0

A macha de óleo que se espalhou pelas praias do Nordeste vem causando não só um grande dano ambiental, como também uma grande preocupação a atividade turística que vem sentido uma retração no número de vendas de pacotes.

A cenário poderá se agravar ainda mais com a notícia de que o Procon de São Paulo decretou junto à Secretaria da Justiça e Cidadania, decreta que “é direito do consumidor cancelar ou remarcar, sem multa, pacotes de viagens e serviços de hospedagem para as praias do Nordeste afetadas pela mancha de óleo”.

A orientação, de acordo com o órgão de defesa do consumidor, é que as pessoas que desistirem de viajar em função das manchas de óleo entrem em contato com a empresa com a qual contratou a viagem e peça o cancelamento ou remarcação sem arcar com multa. O contato deve ser feito por escrito a fim de comprovar que houve uma tentativa de acordo.

A coordenadora de atendimento do Procon-SP, Marcele Soares, ressalta que o consumidor pode procurar o órgão caso a empresa negue a propor uma solução. “O ônus não cabe ao consumidor porque a culpa não é dele. E mesmo que a empresa também não tenha culpa, trata-se de um risco do negócio”.

 

O presidente da Associação Brasileira da Industria Hoteleira/AL (ABIH), Milton Vasconcelos, disse que a situação é preocupante e que todos que fazem o trade juntamente com os órgãos governamentais estão preocupados com a situação, mas que em Alagoas apenas 2% das praias foram atingidas e assim mesmo estão sendo monitoradas e limpas.

 

Milton Vasconcelos anunciou que ainda hoje os empresários estarão se reunindo para divulgar na imprensa informações reais sobre a situação e disse que é preciso que não potencialize um problema que está sendo controlado.

 

 

 

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *