Tag Archives: aniversário

EXPO/ABAV: cidades históricas de Alagoas são prejudicadas na programação
   Mozart  Luna  │     25 de setembro de 2018   │     12:01  │  0

Acontece amanhã (26), no Anhembi Parque, em São Paulo a maior feira de turismo da América Latina, com a participação de 23 mil pessoas e mais de 1.100 empresas do setor e que terá dois dias especias com o painel Turismo e Patrimônio Cultural. O que se estranha é que Alagoas, mesmo tendo o destino mais vendidos pela maior operadora de turismo da América Latina (CVC), não está em nenhum dos painéis da programação e o mais grave cidades como Penedo ficou de fora do painel Turismo e Patrimônio Cultural.

As cidades de São Cristóvão em Sergipe e Olinda em Pernambuco serão as “estrelas” do debate e da amostra. Um absurdo! Já que Penedo foi a terceira cidade no Brasil a receber investimentos do Ministério da Cultura e por apresentar o acervo histórico mais bem preservado do Nordeste e um dos mais lindos do Brasil, ficando atrás apenas das cidades mineiras de Ouro Preto e Vila Velha.

Olinda e São Cristóvão teriam sido indicada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) que montou um balcão de atendimento a EXPO/ABAV. Segundo informação que consta no site da Confederação Nacional do Municípios a “participação da entidade será por meio de uma parceria com o Ministério do Turismo (MTur). A turismóloga Marta Feitosa e o consultor Mário Nascimento representarão a Confederação em um balcão de atendimento aos gestores municipais no estande da pasta”.

Programação

No dia 26,  consta da programação, a partir das 17 horas, no estande do MTur, painel Turismo em Cidades Patrimônio, com “a presença articulada pela CNM” dos Municípios de São Cristóvão (SE) e Olinda (PE). Moderação: Neusvaldo Lima/MTur e amanhã da 16h30 às 17h, no estande do MTur: pocket show e painel Turismo e Patrimônio Cultural, com a presença de Marcelo Brito (Iphan) e Guilherme Paulus (CVC).

No dia 27, das 15h às 16h30, na sala de reuniões do estande do MTur acontece uma importante reunião dos Gestores das Cidades Patrimônio Mundial, OCBPM, CNM, Iphan e MTur. Na pauta assuntos de vital interesses aos gestores e empresários que desejam consolidar as cidades históricas como destino turístico.

Tags:, , , , , , ,

>Link  

CVC E WS criam novos roteiros de passeios em Alagoas
   Mozart  Luna  │     1 de setembro de 2018   │     6:00  │  0

 

A maior operadora da América Latina, CVC Viagens e Turismo em parceria WS Receptivo, representante em Alagoas, pretendem ampliar os roteiros em Alagoas. Isso se deve graças ao potencial de belezas naturais formada por uma grande diversidade de cenários, que vão desde mergulhos em piscinas naturais nos corais de Maragogi, passando pela Dunas Douradas da Foz do rio São Francisco, até os Cânions no Riacho do Talhado no Sertão alagoano.

Alagoas é reconhecido como o Estado do Brasil possuidor de um dos mais belos litorais, fato relatado até mesmo no primeiro livro editado, 1845, nos Estados Unidos sobre o Brasil e de autoria de Daniel Parish Kindder, um historiador e pastor norte americano, que este aqui no primeiro império. O título da obra é Reminiscências de viagens e permanência no Brasil.

Segundo o escritor, Alagoas é uma pequena província do Império, assim batizada por causa da enseada que abrigava a velha capital. Seu porto encantou Daniel Parish: “Mesmo a mais bela das ilhas dos mares do Sul dificilmente apresentará aspecto mais pitoresco”, definiu encantado.

O norte-americano neste primeiro livro sobre o Brasil editado nos Estados Unidos, relata ainda que a areia tinha a alvura da neve. “Gemas engastadas entre as plumas de uma coroa”.  O achado sobre essa discrição das belezas de Alagoas foram relatados no Livro História da Gente Brasileira, número 2, de Marly Del Priore, editora LeYa (Páginas 96 e 97).

Destino preferido

Não foi à toa que a CVC e seus passageiros também descobriram esse paraíso, localizado no Nordeste brasileiro, creditando a capital alagoana e por extensão a todos outros destinos do estado, o título de o mais procurado pelos turistas brasileiros e argentinos, que também se apaixonaram pelas “terra dos marechais”.

Atualmente a CVC Viagens e Turismo tem como parceira no receptivo a empresa WS Tur, que possui uma moderna frota de veículos com profissionais altamente qualificados, para o atendimento dos passageiros CVC e parceiras de receptivos nos destinos turísticos em locais com certificados de qualidade.

As opções de passeios são tantas que tornam a escolha muito difícil, para os dias comprados nos pacotes. A solução é já organizar outra viagem de volta para conhecer os outros roteiros.  Pensando nisso os diretores a WS vem trabalhando a criação de novas opções de passeios.

O diretor executivo da WS, Waldir Santos anunciou que este ano e principalmente em 2019, a inclusão de um pacote especial rodoviário para visitar Marechal Deodoro, Penedo e Piranhas, na badalada região dos Cânions do São Francisco. Um produto que será oferecido no Portal da Operadora CVC, para todo Brasil, sendo a grande novidade em termos de roteiro em Alagoas.

“O objetivo é oferecer novidades para quem já conhece Alagoas, mas deseja ir aos destinos que ainda não visitou, principalmente novos produtos que surgiram e hoje são procurados”, declarou Waldir Santos.

A empresa esta investindo na realização de parcerias em Marechal Deodoro, Penedo e Piranhas com o objetivo de dar todo apoio necessário aos clientes CVC, e proporcionar aos destinos a oportunidade de gerar emprego e renda.

Um dos investimentos realizados pela WS Tur foi a aquisição de um moderno micro ônibus, que é um modelo considerado novidade em termos de transporte turístico, oferecendo mais conforto e segurança aos passageiros CVC/WS. O novo produto turístico será lançando pela CVC no final do ano com a chegada dos primeiros grupos.

 

Dunas e Lagoas

Um projeto que também está sendo aguardado com grande expectativa com a provação da nova Lei do Turismo é a liberação para visitações turísticas de reservas ecológicas como as Dunas da Aérea de Preservação Ambiental (APA) da Praia do Peba, na Foz do São Francisco. A nova lei prevê não só a exploração turística de forma controlada, como a instalação de empreendimentos hoteleiros.

Outro roteiro turístico, que deverá ser trabalhado compondo novas opções de passeios em Alagoas são a navegação, pela Lagoa de Jequiá, única reservar extrativista do Nordeste. Isto porque toda Lagoa pertence a uma APA, onde se é permitido a exploração da pesca de forma artesanal.

Existem também projetos para se desenvolver a atividade turísticas com passeios de catamarã pela lagoa. Seria o turismo de observação e fotografias da fauna e da flora nativa, interagindo também com às comunidades ribeirinhas de Jequiá da Praia, onde já está em construção um moderno hotel, com 90 apartamentos de bandeira internacional.

“É dentro desse contexto que a WS Receptivo em parceira com a CVC Brasil, estão trabalhando para ampliar ainda mais a atividade turística em Alagoas, fazendo multiplicar o numero de postos de trabalho em uma das atividades, que mais geram empregos no mundo: o turismo”, finalizou Waldir Santos.

 

 

Tags:, , , , , , , , , ,

>Link  

Região dos Cânions do São Francisco inaugura seu primeiro hotel quatro estrelas
   Mozart  Luna  │     30 de junho de 2018   │     11:05  │  0

 

A região dos Cânions do São Francisco ganha na próxima terça-feira (2), um moderno hotel quatro estrelas com bandeira Bristol. Trata-se do hotel Bristol Aline localizado em Delmiro Gouveia, 295 km de Maceió e a 36 km do aeroporto de Paulo Afonso na Bahia, que possui voos diretos de Salvador e Recife, as segundas e sextas-feiras, com valores promocionais de cerca de R$ 400,00 ida e volta.

Hall do aeroporto de Paulo Afonso operando com voos regulares semanalmente.

A solenidade de inauguração oficial do hotel será ao meio dia com a presença do governador Renan Filho, do secretário estadual de turismo, Rafael Brito e todo trade turístico da região. O hotel chega gerando 60 novos postos de trabalho e mais de 100 indiretos, além de aquecer a econômica local através do setor de compras. A perspectiva é que mais 300 empregos sejam gerados no primeiro ano de funcionamento, já que vai também movimentar o transporte, artesanato e restaurantes.  

O Bristol Aline tem categoria quatro estrelas e possui 101 apartamentos de alto padrão, com restaurante com capacidade para 250 pessoas, parque aquático, estacionamento para 230 veículos e está localizado às margens da rodovia AL 145 com acesso fácil a BR 432 para o aeroporto de Paulo Afonso.

Pista do aeroporto de Paulo Afonso à 26 quilômetros de Delmiro Gouveia

 

Atrações

O Bristol Aline chega a região para dar suporte ao aumento do fluxo de turistas que vem aumentando a cada ano na região dos Cânions. Delmiro Gouveia fica a 26 km de Piranhas, cidade histórica, museus, centro gastronômico, pavilhão de artesanato, os passeios de catamarãs pelo rio São Francisco, Lago da hidrelétrica de Xingó, Riacho do Talhado.

Delmiro Gouveia também tem atrativos como o museu do Sertão, e a primeira hidrelétrica do Nordeste, instalada nos paredões dos Cânions. Uma obra do inicio do século XX, uma iniciativa do industrial Delmiro da Cruz Gouveia, que também construiu a primeira indústria têxtil do Sertão de Alagoas, que exportava linhas tecidos para Europa. Uma história que se transformou em filme e livros que até hoje causa muitas polêmicos.

 

Paredões milhares dos Cânions do São Francisco 

O secretário estadual de desenvolvimento e turismo, Rafael Brito, disse que Alagoas vive o momento privilegiado dentro do contexto turístico nacional, já que o estado vem se destacando como um dos melhores destinos do Nordeste, passando em volume proporcional de cidade estados como Ceará e Recife. Isso graças a divulgação das belezas naturais e a melhoria substancial da segurança pública.

Momento histórico

Rafael Brito voltou a ressaltar que os Cânions do São Francisco é prioridade do governo Renan Filho, já que é uma região historicamente carente, assolada pela seca cíclica que atinge a todos municípios da região a séculos. “O desenvolvimento da atividade turística na região é a esperança de melhoria da qualidade de vida, através da geração de emprego e renda”, declarou Manoel Foguete, um dos primeiros empresários a investir e acreditar na atividade turística na região .

Manoel Foguete um dos primeiros empresários a investir e acreditar na região

O secretário destacou que um grande projeto de alavancamento do turismo na região está sendo trabalhado em parceira com a iniciativa privada, objetivando o mercado europeu, principalmente de Portugal e que vai consolidar a atividade turística no Sertão de Alagoas, mudando o perfil socioeconômico. “Este governo vai escrever uma página importante da histórica de Alagoas, com a consolidação de um polo de turismo em uma das regiões tão carente socialmente. É a esperança de toda uma população sofrida”, finalizou o empresário Luiz Carlos Costa, um dos investidores que viabilizou a construção do Bristol Aline em Delmiro Gouveia.

Tags:, , ,

>Link  

Pressão política para “destravar” aeroportos em Alagoas
   Mozart  Luna  │     22 de junho de 2018   │     10:24  │  0

A visita do ministro dos transportes, Valter Cassimiro, a Alagoas renovou velhas promessas de construção dos aeroportos regionais de Maragogi, Arapiraca e Penedo anunciados há mais de três anos, sendo que o de Maragogi já são 17 anos de espera. A situação é tão complicada que parte do trade turístico de Maragogi passou a ser contra a construção do aeroporto, alegando que seria mais importante rápido investir na duplicação das rodovias entre Maceió e o município.

O aeroporto de Maragogi tem um longo de difícil caminho a percorrer diante do imbróglio jurídico e burocrático que tem pela frente, começando pela aérea definida, que esta de posse de assentados do Incra, que não tem o titulo da terra e que também é objeto de questionamentos na Justiça, com relação a desapropriação

 

Já o aeroporto de Arapiraca, a área foi escolhida, mas não definida já que a Secretária de Aviação Civil (SAC) alega que existe problemas como a existência de uma rede elétrica de alta tesão da Chesf no terreno e falta do parecer do serviço de topografia, para atestar a aérea como ideal para instalação do aeroporto do Agreste.

Em Penedo a situação é a mais fácil, já que o aeroporto em um equipamento registrado pela Anac, Sac e Infraero. O projeto, segundo o vice-prefeito Ronaldo Lopes, foi concluído e entregue aos órgãos federais. Entretanto encontra-se “travado” na SAC aguardando a liberação dos recursos e inicio das obras.

Dentro desse contexto é necessário reconhecer o esforço do governo do estado dos ex-ministros Mauricio Quintella e Marx Beltrão que fizeram o processo avançar bastante em um ano. Vale lembrar que esses aeroportos regionais praticamente estavam esquecidos e não havia esperanças para inicio das obras. A assinatura do Termo de Compromisso (TC) para o repasse dos recursos destinados a elaboração do projeto (R$ 3,5 milhões) do aeroporto de Maragogi foi um passo importante, mas ainda falta resolver o imbróglio da aérea sob a posse do Incra. Quanto ao aeroporto de Penedo falta apenas pressão política para liberação dos recursos por parte da SAC. Já Arapiraca terá que esperar um pouco mais.

 

 

Tags:, ,

>Link  

Projeto do Senado vai reduzir preço do etanol para os consumidores
   Mozart  Luna  │     21 de junho de 2018   │     16:25  │  0

 

O Brasil tem novamente a oportunidade histórica de retomar um dos projetos genuinamente nacionais, que pode alavancar a economia com o aumento da produção de álcool combustível (etanol). O Projeto de Decreto Parlamentar permitirá a venda do álcool combustível diretamente para os postos, oferecendo a possibilidade de redução do preço para os consumidores, a reativação da atividade agroindustrial, o aumento da balança comercial de exportação e a venda tecnologia para outros países.

A agroindústria sucroalcooleira praticamente faliu no país, devido a queda do preço do açúcar no mercado internacional, além do consumo do etanol ser reduzido pela frota brasileira, já não compensa usar o álcool combustível, devido ao preço que é vendido nos postos. Com liberação da venda direta do produtor para os postos, se elimina o atravessador que é o distribuidor, que sobre taxa o combustível.

Se o preço do etanol chegar a R$ 1,00 nas bombas com certeza os proprietários de veículos vão consumir praticamente 100% do produto. Além disso o etanol mais barato, também vai incidir sobre o preço da gasolina, já que possui o percentual de 30%. Todos saem ganhando e ainda gera empregos o campo, aquece a economia e permitindo a retomada do desenvolvimento de uma tecnologia “verde-amarelo”.

Melhor para o meio ambiente

Projeto de Decreto Legislativo que vai baratear os custos do álcool combustível também tem o apoio de ambientalistas, já que o etanol é classificado como “combustível limpo”, por colaborar com a redução de emissão de gás carbônico na atmosfera. Dessa forma ajuda a reduzir os danos na camada de ozônio.

Vários países que também estão sofrendo com os efeitos da subida do barril do petróleo. A cotação do petróleo é dolarizada e falta do produto pressiona o preço para cima devido a falta do produto no mercado internacional, consequência de alguns fatores como a guerra civil na Síria – um dos maiores produtores de petróleo do mundo – além da queda da produção petrolífera na Venezuela, que tem uma das maiores reservas de petróleo do mundo, mas não tem tecnologia para explora e refinar.

O cenário mercado pode sofrer ainda mais a curto prazo com a decisão dos países europeus em extinguir em 2025 a produção de motores a explosão com uso de combustíveis fosseis. Os países Nórdicos como Finlândia e Dinamarca, que possuem reservas de petróleos, já anunciaram que vão parar a extração e investir na produção de carros elétricos e combustíveis limpos.

A situação é tão seria que já existe a possiblidade da Rússia invadir a Finlândia com o objetivo de se apossar dos poços de petróleo. Essa hipótese fez o governo pacifico finlandês comunicar sua preocupação a Comunidade Europeia, que vem equipando o exército Finlandês e redobrando a vigilância na fronteira. Vale lembrar que a antiga União Soviética já chegou a invadir a Finlândia logo depois da Segundo Guerra Mundial com essa finalidade.

Diante desse cenário geopolítico mundial as atenções deverão se voltar para o Brasil, se realmente retomar o Proálcool como fonte energética renovável e o primeiro passo deverá ser dado colocando em prática a venda do etanol diretamente para os postos de combustíveis.

 

 

 

 

 

Tags:, , ,

>Link