Tag Archives: Aeroporto Zumbi dos Pamares

Região dos Cânions do São Francisco inaugura seu primeiro hotel quatro estrelas
   Mozart  Luna  │     30 de junho de 2018   │     11:05  │  0

 

A região dos Cânions do São Francisco ganha na próxima terça-feira (2), um moderno hotel quatro estrelas com bandeira Bristol. Trata-se do hotel Bristol Aline localizado em Delmiro Gouveia, 295 km de Maceió e a 36 km do aeroporto de Paulo Afonso na Bahia, que possui voos diretos de Salvador e Recife, as segundas e sextas-feiras, com valores promocionais de cerca de R$ 400,00 ida e volta.

Hall do aeroporto de Paulo Afonso operando com voos regulares semanalmente.

A solenidade de inauguração oficial do hotel será ao meio dia com a presença do governador Renan Filho, do secretário estadual de turismo, Rafael Brito e todo trade turístico da região. O hotel chega gerando 60 novos postos de trabalho e mais de 100 indiretos, além de aquecer a econômica local através do setor de compras. A perspectiva é que mais 300 empregos sejam gerados no primeiro ano de funcionamento, já que vai também movimentar o transporte, artesanato e restaurantes.  

O Bristol Aline tem categoria quatro estrelas e possui 101 apartamentos de alto padrão, com restaurante com capacidade para 250 pessoas, parque aquático, estacionamento para 230 veículos e está localizado às margens da rodovia AL 145 com acesso fácil a BR 432 para o aeroporto de Paulo Afonso.

Pista do aeroporto de Paulo Afonso à 26 quilômetros de Delmiro Gouveia

 

Atrações

O Bristol Aline chega a região para dar suporte ao aumento do fluxo de turistas que vem aumentando a cada ano na região dos Cânions. Delmiro Gouveia fica a 26 km de Piranhas, cidade histórica, museus, centro gastronômico, pavilhão de artesanato, os passeios de catamarãs pelo rio São Francisco, Lago da hidrelétrica de Xingó, Riacho do Talhado.

Delmiro Gouveia também tem atrativos como o museu do Sertão, e a primeira hidrelétrica do Nordeste, instalada nos paredões dos Cânions. Uma obra do inicio do século XX, uma iniciativa do industrial Delmiro da Cruz Gouveia, que também construiu a primeira indústria têxtil do Sertão de Alagoas, que exportava linhas tecidos para Europa. Uma história que se transformou em filme e livros que até hoje causa muitas polêmicos.

 

Paredões milhares dos Cânions do São Francisco 

O secretário estadual de desenvolvimento e turismo, Rafael Brito, disse que Alagoas vive o momento privilegiado dentro do contexto turístico nacional, já que o estado vem se destacando como um dos melhores destinos do Nordeste, passando em volume proporcional de cidade estados como Ceará e Recife. Isso graças a divulgação das belezas naturais e a melhoria substancial da segurança pública.

Momento histórico

Rafael Brito voltou a ressaltar que os Cânions do São Francisco é prioridade do governo Renan Filho, já que é uma região historicamente carente, assolada pela seca cíclica que atinge a todos municípios da região a séculos. “O desenvolvimento da atividade turística na região é a esperança de melhoria da qualidade de vida, através da geração de emprego e renda”, declarou Manoel Foguete, um dos primeiros empresários a investir e acreditar na atividade turística na região .

Manoel Foguete um dos primeiros empresários a investir e acreditar na região

O secretário destacou que um grande projeto de alavancamento do turismo na região está sendo trabalhado em parceira com a iniciativa privada, objetivando o mercado europeu, principalmente de Portugal e que vai consolidar a atividade turística no Sertão de Alagoas, mudando o perfil socioeconômico. “Este governo vai escrever uma página importante da histórica de Alagoas, com a consolidação de um polo de turismo em uma das regiões tão carente socialmente. É a esperança de toda uma população sofrida”, finalizou o empresário Luiz Carlos Costa, um dos investidores que viabilizou a construção do Bristol Aline em Delmiro Gouveia.

Tags:, , ,

>Link  

Governo recebe projeto de divulgação dos Cânions em Portugal
   Mozart  Luna  │     27 de junho de 2018   │     18:32  │  0

 

Empresários do trade de turismo da região dos Cânions do São Francisco entregaram ao secretário estadual de desenvolvimento e turismo, Rafael Brito, o anteprojeto de marketing para divulgação na Europa. O trabalho foi elaborado pela Operadora Grou, através de sua empresa de marketing em Portugal. A Grou possui representação em Lisboa e já trabalha com as operadoras lusas há mais de 10 anos trazendo turistas portugueses para o Brasil.

O secretário Rafael Brito elogiou a inciativa dos empresários e disse que a proposta vem complementar aos trabalhos que vem sendo desenvolvido pela sua pasta, que é dinamizar ainda mais o fluxo de turistas em Alagoas, objetivando criar mais postos de trabalho e gerando renda.

O maravilhoso banho no Riacho do Talhado

Os empresários Manoel Foguete e Eliseu Gomes disseram que o projeto é uma parceria da iniciativa privada, que pretende atrair mais investimentos para região. Segundo os empresários a região dos Cânions do São Francisco, já conta com infraestrutura e novos hotéis aumentando o número de leitos.

O empresário Manoel Foguete aproveitou para agradeceu o apoio que o Governo do Estado de Alagoas tem dado a região transformando a realidade da população. “Hoje geramos mais de 7 mil empregos e toda região através da atividade turística”, disse Manoel Foguete. Segundo ele o turismo está mudando o perfil socioeconômico levando para o Sertão a oportunidade de trabalho e cidadania. “Nada disso seria possível sem a ajuda do Governador Renan Filho, que não tem medido esforços para consolidar o destino turístico”, enfatizou o empresário.

 

Dois novos hotéis com 100 apartamentos cada um foram inaugurados

Projeto

O empresário Elizeu Gomes, que também é pesquisador da história da ocupação demográfica do Sertão, disse que o projeto de marketing que será colocado em prática em Portugal, tem um conteúdo rico que procura mostrar a história da região, sua gastronomia, beleza natural e o diferencial que são os passeios pelo rio São Francisco e as trilhas pela caatinga, que levam a sítios arqueológicos com pinturas rupestres com mais de 8 mil anos.

Os paredões surpreendem com sua beleza e que em suas marcas contam a formação geológica da região

Segundo ele a região sofreu uma forte influência europeia. Primeiro com a chegada dos colonizadores portugueses, depois com os ingleses que construíram a linha férrea e depois com italianos e alemães trazidos por Delmiro Gouveia, para construir a primeira hidrelétrica da América Latina Angiquinho, que até hoje resiste ao tempo, cravada nos paredões dos cânions.

Operadores visitaram os Cânions

A próxima reunião para entregar de todo projeto ocorrerá em agosto e o lançamento em Lisboa em Portugal, com data para ser agendada, com um evento que vai reunir operadores de Portugal, Espanha e Finlândia, além da imprensa portuguesa.

Tags:,

>Link  

Moradores de Arapiraca voltam a denunciar Frigorífico pelo mau cheiro
   Mozart  Luna  │     24 de junho de 2018   │     9:10  │  0

Moradores dizem que não suportam mais o mau cheiro e reclamam dos órgão públicos da falta de providências 

Os moradores do Conjunto Residencial Brisa do Lago em Arapiraca voltaram a denunciar a poluição do ar e apontam o Frigorífico Frigovale, como o causador problema, que já foi comunicado ano passado ao Ministério Público Estadual e a Câmara Municipal. Até o momento nada foi realizado para resolver a situação, segundo vários moradores, que todos os dias também se utilizam das emissoras de rádio para pedir providencias do poder publico municipal.

Segundo a dona de casa Maria do Carmo Lúcio Barbosa as crianças são as que mais sofrem com o mau cheiro de carniça paria pelo ar em todo Conjunto Brisa do Lago. “Não conseguir comer porque ficamos enjoados e também aumentou bastante o número de moscas e ratos”, relata ela reclamando dos órgãos ambientais e de saúde publica que não fazem nada para impedir o que ela chamou de “atentado a saúde pública”.

O frigorífico não possui possui muros e é próximo as casas do Conjunto Residencial 

O Frigorífico Frigovale ocupa instalações que pertencem ao Estado através de um contrato de uso, que foi assinado há cerca de 3 anos. Os recursos foram oriundos do Governo Federal liberados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf).

A empresa iniciou suas atividades com uma licença provisória concedida pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA), mas foi notificada pelo Ministério Público Federal e pelo Ibama, quando da realização da Fiscalização Integrada Preventiva (FIP) em 2017, por não atender as normas técnicas ambientais para o seu funcionamento na época.

Vários abaixo assinados foram assinados e entregues ao MP e a Câmara

Os moradores do Conjunto Brisa do Lago solicitaram através da Associação de Desenvolvimento uma audiência pública na Câmara Municipal. Este pedido também foi protocolado no Ministério Público Estadual em Arapiraca, ano passado, mas até hoje a audiência não foi realizada. Enquanto isso o problema perdura causando grandes problemas a saúde e ao meio ambiente.

Tetamos contato com a diretoria da Frigovale, mas não obtivemos respostas.

 

Tags:, ,

>Link  

Pressão política para “destravar” aeroportos em Alagoas
   Mozart  Luna  │     22 de junho de 2018   │     10:24  │  0

A visita do ministro dos transportes, Valter Cassimiro, a Alagoas renovou velhas promessas de construção dos aeroportos regionais de Maragogi, Arapiraca e Penedo anunciados há mais de três anos, sendo que o de Maragogi já são 17 anos de espera. A situação é tão complicada que parte do trade turístico de Maragogi passou a ser contra a construção do aeroporto, alegando que seria mais importante rápido investir na duplicação das rodovias entre Maceió e o município.

O aeroporto de Maragogi tem um longo de difícil caminho a percorrer diante do imbróglio jurídico e burocrático que tem pela frente, começando pela aérea definida, que esta de posse de assentados do Incra, que não tem o titulo da terra e que também é objeto de questionamentos na Justiça, com relação a desapropriação

 

Já o aeroporto de Arapiraca, a área foi escolhida, mas não definida já que a Secretária de Aviação Civil (SAC) alega que existe problemas como a existência de uma rede elétrica de alta tesão da Chesf no terreno e falta do parecer do serviço de topografia, para atestar a aérea como ideal para instalação do aeroporto do Agreste.

Em Penedo a situação é a mais fácil, já que o aeroporto em um equipamento registrado pela Anac, Sac e Infraero. O projeto, segundo o vice-prefeito Ronaldo Lopes, foi concluído e entregue aos órgãos federais. Entretanto encontra-se “travado” na SAC aguardando a liberação dos recursos e inicio das obras.

Dentro desse contexto é necessário reconhecer o esforço do governo do estado dos ex-ministros Mauricio Quintella e Marx Beltrão que fizeram o processo avançar bastante em um ano. Vale lembrar que esses aeroportos regionais praticamente estavam esquecidos e não havia esperanças para inicio das obras. A assinatura do Termo de Compromisso (TC) para o repasse dos recursos destinados a elaboração do projeto (R$ 3,5 milhões) do aeroporto de Maragogi foi um passo importante, mas ainda falta resolver o imbróglio da aérea sob a posse do Incra. Quanto ao aeroporto de Penedo falta apenas pressão política para liberação dos recursos por parte da SAC. Já Arapiraca terá que esperar um pouco mais.

 

 

Tags:, ,

>Link  

Portaria que restringe voos internacional poderá ser suspensa
   Mozart  Luna  │     19 de junho de 2018   │     20:38  │  1

 

O trade turístico alagoano está na expectativa com relação a reunião que ocorre hoje em Brasília, para analisar o Termo de Ajusta de Conduta (TAC) que sugere a suspensão da Portaria da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) que restringe voos internacionais nos aeroportos Zumbi dos Palmares em Alagoas, Paulo Freire em Recife e Santa Maria em Aracaju.

A Portaria determina que a partir de agosto não serão mais concedidas autorizações para voos internacionais, ficando apenas estabelecidos os que já estão autorizados. Isto implica dizer que quaisquer novas operações com voos regulares, ou charters não serão autorizadas nestes aeroportos, até que a adequações solicitados pela Anac, sejam atendidas pela Infraero.

Portaria

Esta portaria da Anac impede que seja viabilizado novas operações com voos internacionais “engessando” o fluxo turístico nestes estados. Segundo uma fonte do Ministério dos Transportes, essa é uma estratégia bastantes utilizada pela Anac, para pressionar o governo a investir na melhoria dos aeroportos.

No caso do aeroporto Zumbi dos Palmares, as adequações são muitas. Alguns consideradas pequenas e pode serem realizadas em curto prazo, mas tem outras que implica a realizações de obras de infraestrutura como calhas de drenagem, que tem um orçamento bastante elevado.

 

Paralelamente a tudo isso ocorre também em Recife da primeira audiência pública como parte do cronograma do processo de venda dos aeroportos Zumbi dos Palmares. Paulo Freire. A privatização é considerada uma alternativa para melhoria dos serviços nos aeroportos, principalmente com relação conservação e qualificação de pessoal.

 

Tags:,

>Link