Monthly Archives: setembro 2020

Hotelaria inicia contratação em Alagoas
   28 de setembro de 2020   │     10:22  │  0

O aumento da frequência dos voos no aeroporto internacional Zumbi dos Palmares em torno de 30% no mês de outubro e de 50% em novembro já é um indicativo do aquecimento a atividade turística em Alagoas deve chegar aos patamares normais até dezembro com 80%, com isso a Industria Hoteleira inicia o processo de contratação.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) do estado, cerca de 2.500 pessoas perderem seus postos de trabalho somente na hotelaria desde o mês de março, porém, com a chegada do verão, a gradual recuperação da malha aérea e a progressiva vinda de turistas para a alta temporada, o setor pode voltar a contratar ainda este ano.

À frente da ABIH/AL, o presidente André Santos conta que há expectativa de retorno de contratação para o setor visando a alta temporada de verão. “A expectativa é que hajam recontratações pontuais neste período, proporcionais à ocupação. Embora não exista ainda uma programação sobre isso, as possibilidades estão sendo analisadas semanalmente, mediante aumento das reservas”, revela.

A previsão do aumento da frequência aérea foi anunciada pelo presidente do Maceió Convention Visitors&Bureau, Glênio Cedrin em entrevista ao nosso blog, no inicio de setembro.

Com grande apelo no turismo regional, o primeiro do segmento que já retoma suas atividades, as cidades do interior do estado podem ter o aquecimento na geração de oportunidades acelerado. “No interior a celeridade [da retomada de oportunidades] pode ser até mais rápida pelo mercado regional, principalmente aos fins de semana, com turistas vindo de Recife, João Pessoa e Aracaju, para essas pousadas de charme do litoral Norte e Sul”, complementa Glênio Cedrim.

Os receptivos turísticos, que trabalham com transporte e passeios de turistas, também sofreram os efeitos da pandemia. Segundo Alejandro Velásquez, diretor da Luck Receptivo de Maceió, 50% dos funcionários tiveram seus contratos de trabalho suspensos. “Nós precisamos demitir metade dos colaboradores para que eles recebessem seguro desemprego neste período. Fizemos isto com a garantia de que seriam readmitidos ao longo desta retomada que tem sido gradual. Até dezembro nós iremos contratar toda a equipe de volta, já que o setor já está retomando suas ações e os turistas voltam a nos visitar”, pontuou.

Toda cadeia produtiva do turismo tem 52 setores interligados, gerando cerca de 160 mil empregos em Alagoas. No atual cenário, a retomada das atividades dos hotéis fomenta a recuperação econômica do estado, impulsionando a entrada de capital e a geração de receita de fora para dentro, impactando diretamente no desenvolvimento turístico e social.

Voo TAP

O início das operações que ligam diretamente Maceió a Lisboa com os dois voos semanais da TAP, companhia aérea portuguesa, a partir do próximo dia 02 de outubro, possibilita a abertura do mercado europeu para o turismo alagoano. Além do público português, o voo direto facilita a vinda também de espanhóis, franceses e italianos, reduzindo o tempo de viagem e conexões à capital alagoana.

“A expectativa de dois voos semanais é uma oportunidade para este público de 0 a 38 anos, um segmento mais jovem e digital, para vir conhecer o Nordeste brasileiro. O momento é bastante favorável, de verão, com sol e mar, nosso principal atrativo. Essa chegada destes turistas europeus traz neste momento uma oportunidade de qualificação para nossos visitantes”, ressalta Glênio Cedrim.

Além dos avanços em malha aérea tanto nacional quanto internacional, outros fatores que tem contribuído diretamente para o sucesso da retomada da atividade turística do estado são o relativo controle da pandemia do estado, os avanços em segurança pública e a adaptação de toda a cadeia produtiva à nova realidade imposta pela pandemia. Alagoas é o 8º estado do país em maior número de empreendimentos credenciados – são mais de mil em todas as regiões turísticas –  com o selo do turismo responsável do Ministério do Turismo, que define os protocolos sanitários necessários para o momento.

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, todo esse conjunto de fatores criam o cenário ideal para que a atividade turística, de forma segura, volte a gerar emprego e impactar positivamente na economia do estado. “O desafio é enorme e a luta tem sido árdua para que a gente retome as atividades, com toda a devida segurança, e garanta que o turismo possa voltar a protagonizar a economia do estado. A atividade representa 10% do nosso PIB e todas essas conquistas e avanços irão garantir que o segmento ganhe um espaço ainda maior na economia alagoana, gerando renda e emprego de qualidade em todos os municípios turísticos de Alagoas”, pontua Rafael Brito.

Alagoas aumenta frequência aérea com oito voos fretados da CVC
   27 de setembro de 2020   │     6:55  │  0

A frequência aérea no aeroporto Zumbi dos Palmares vai aumentar com oito voos fretados pela Operadora CVC, que começam a partir do dia 19 dezembro e vai até Janeiro de 2021, marcando o inicio da alta estação de turismo em Alagoas.

Os voos tem como origem São Paulo, capital, Campinas, Belo Horizonte, Brasília , Londrina, Porto Alegre, Cuiabá  e Goiânia que hoje são os principais polos emissores de turistas para Alagoas.

Maceió é um dos destinos mais procurados na plataforma da CVC para o período. Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, os fretamentos da CVC são essenciais para a alta temporada de verão e mostram a força do Destino no cenário do turismo nacional.

“Oito voos fretados neste cenário ainda fragilizado pela pandemia é um número excelente para o nosso destino. A aposta da CVC em Maceió é resultado direto da relação que o governo de Alagoas vem construindo com a operadora nos últimos anos, pelos avanços em segurança pública, estrutura hoteleira, pelos diferenciais do Destino como nossas atrações ao ar livre que são a grande procura para este verão, além do relativo controle da pandemia no estado. Com toda a cadeia produtiva pronta para atender aos turistas, certificadas com os protocolos de segurança, seguiremos avançando no cenário nacional e internacional, gerando renda e oportunidades através do turismo para muitos alagoanos”, pontuou Rafael Brito.

As previsões do presidente do Maceió Convention, Glênio Cedrin, anunciadas, em entrevista ao nosso blog no inicio dessa mês,  se confirma desta forma. Segundo as perspectivas são otimistas com o  aumento dos voos em Alagoas. Segundo ele em outubro é que a frequência aumento em torno de 50%, 70% em novembro e 80% em dezembro.

Porto de Pedras no catálogo da CVC

Outra novidade anunciada pela CVC é a inserção da cidade de Porto de Pedras, do Litoral Norte de Alagoas, no catálogo de destinos domésticos rodoviários, apostando no segmento do turismo regional. O material indica destinos paradisíacos pelo Brasil que são acessíveis para viagens de carro e ônibus, levando em consideração também a proximidade a grandes centros urbanos. No caso da cidade alagoana, além das incríveis belezas naturais do município, com destaque para a Praia do Patacho, a curta distância entre ela e as capitais Maceió (AL) e Recife (PE) são diferenciais para este nicho de mercado.

 

EXLUSIVO: Dono da rede Vila Galé fala sobre o potencial de Alagoas e do Brasil
   26 de setembro de 2020   │     8:35  │  0

Voos da TAP será um momento histórico para mudança da economia em Alagoas

Jorge Rebelo, diretor presidente do Grupo Vila Galé de Portugal e a maior rede de resorts do Brasil

Em entrevista exclusiva, o diretor presidente da rede portugueses de hotéis, Vila Galé, Jorge Rebelo, foi anunciado que toda arquitetura da unidade do Vila Galé Alagoas será baseada em temas da literatura mundial, com destaque para a literatura alagoana, se diferenciando das demais no Brasil. “Vamos prestigiar a cultura brasileira e as riquezas que ela oferecem”, disse ele.

“Vamos mostrar ao mundo a diversidade brasileira e sua riqueza nessa obra arquitetônica que será o hotel Vila Galé Alagoas, na Praia de Carro Quebrado em Barra de Santo Antônio”, enfatiza ele. “Uma pena que o Brasil só recebe apenas 6 milhões de turistas estrangeiros por ano, mas que poderia disputar, por exemplo, com a Espanha, que tem um território do tamanho da Bahia”, disse ele.

“Acho que o Brasil ainda não despertou para a força do turismo que tem e precisa urgentemente trabalhar esse lado”, declarou Jorge Rebelo.

A rede Vila Galé tem 34 anos de idade e hoje é a maior do Brasil com dez unidades e em Alagoas será a décima primeira. Jorge Rebelo agradeceu ao governador Renan Filho e ao secretário estadual de turismo, Rafael Brito, também ao empresário Pedro Ramos da e o secretário executivo da Sedetur Paulo Kugelmas, pelo apoio que deu para que o Grupo decidisse investir em Alagoas.

Jorge Rebelo em visita ao local do hotel em Barra de Santo Antônio, acompanhado da prefeita Emanuella Moura e da deputada estadual Cibelle Moura e o secretário Rafael Brito

Jorge Rebelo elogiou a Praia de Carro Quebrado, em Barra de Santo Antônio, dizendo que é uma das mais lindas do Brasil e destacou o apoio também da prefeita Emanuelle Moura e de seu esposo Abraão Moura, para que tudo desse certo. “O Brasil é um país extraordinário. Tem uma economia pujante, forte e nós acreditamos nesse país maravilhoso e principalmente em Alagoas”, destacou ele.

“Estamos num momento histórico para Alagoas e destacou o trabalho realizado pelo governo junto à TAP, viabilizando voos regulares semanais, que começam a partir de outubro, iniciando a internacionalização do turismo nesse estado, que é um dos mais lindos do Brasil”, disse Jorge Rebelo.

Praia de Carro Quebrado na Ilha da Croa, em Barra de Santo Antônio

Para o empresário, os voos da TAP vão mudar o perfil econômico do Estado, já que a aviação é uma ferramenta estratégica paro desenvolvimento. “Sei que o Governador e o secretário Rafael Brito chegam a Lisboa na próxima semana e irei recebê-los. Eles devem volta no voo inaugural, no dia 2 de outubro, para Maceió. Um momento histórico para o Estado”, comentou ainda ele.

Pandemia

Jorge Rebelo disse que a decisão de investir na construção de hotéis no Brasil, em plena crise gerada pela pandemia do covid-19 é uma demonstração de confiança no país e que é nos momentos difíceis, que se tem que demonstrar força. “Inauguramos um hotel lindo, em julho,  em São Paulo e fomos chamados de loucos por isso”, disse ele. “Acreditamos no Brasil e sabemos que a pandemia vai passar e já está na hora de convivermos com o vírus, se não seremos vencidos pelo medo”, disse ele.

“Precisamos voltar ao trabalho e produzir. Voltar a vida, com novo normal e com os cuidados necessários”, declarou Jorge Rebelo. “Precisamos animar a economia. Sair de casa e volta a viver”, recomenda ele.

“Foi nos momentos mais difíceis que o Grupo Vila Galé sempre obteve bons resultados e assim continuamos trabalhando, e a maior demonstração está sendo dada com a construção do Vila Galé Alagoas”, destaca ele. “A obra começa em outubro e com previsão de conclusão em 2022 e estarei no Estado até o final do ano para ver como estão as obras e você é meu convidado”, disse ele.

Jorge Rebelo voltou a destacar a importância dos voos internacionais da TAP, como fundamentais para a internacionalização de Alagoas e que a consequência será a mudança do perfil socioeconômico de Alagoas, com a chegada dos turistas internacionais, injetando muitos recursos em euros.

Toda entrevista de Jorge Rebelo está disponível em nosso canal o Youtube (Mozart Luna) e também em nosso faceBook (Mozart Campos Luna) e no instagram Mozart_Luna.

ASSISTA TODA ENTREVISTA

Guardiões da Caatinga: prova objetiva acontece em Craíbas neste domingo (27)
   25 de setembro de 2020   │     15:30  │  0

Programa da Mineração Vale Verde (MVV) pretende tornar cidadãos em verdadeiros guardiões ambientais

A Mineração Vale Verde (MVV) e o Instituto SOS Caatinga, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Craíbas, divulgaram nesta quarta-feira (23) o resultado das inscrições para a participação no processo seletivo do Programa Guardiões da Caatinga.

No total, 121 pessoas conseguiram se inscrever de forma correta e agora estão aptas para fazer a 1ª fase do processo seletivo. Os nomes já podem ser vistos virtualmente no www.vale-verde.com e www.institutososcaatinga.com.br ou presencialmente na Secretaria Municipal de Educação de Craíbas.

Atendendo aos anseios dos candidatos, a MVV e a ONG transferiram a data da prova para este domingo (27). O exame de múltipla escolha acontecerá das 8h às 10h na Escola de Ensino Fundamental Tenente Coronel José Barros Paes, no Centro de Craíbas.

A comissão organizadora recomenda que os inscritos cheguem pelo menos 1h antes do início da prova objetiva, portando documento oficial com foto e CPF. A caneta deve ser esferográfica azul ou preta. É obrigatório o uso de máscara de tecido para proteção facial e que sejam respeitados todos os protocolos de distanciamento. Devido à pandemia, para maior segurança e comodidade de todos, os candidatos serão distribuídos em sete salas distintas.

“O ‘Guardiões da Caatinga’ é um projeto sob medida, feito, sobretudo, para a população da zona rural de Craíbas com 30 anos ou mais. Assim, essas pessoas podem se reinserir no mercado de trabalho por meio dessa oportunidade única. Tivemos esse olhar mais amplo para o nosso bioma. É um curso com diversos módulos e duração de um ano. Ao término, teremos verdadeiros guardiões da caatinga ajudando a preservar a fauna e flora da nossa região”, pontua o líder de Assuntos Corporativos e Regulatórios da MVV, Marcus Vinicius Peixoto, que esteve nas rádios Novo Nordeste e Pajuçara FM, ambas em Arapiraca. O projeto também foi destaque na TV Gazeta (confira reportagem na íntegra: abre.ai/materia-guardioes-da-caatinga).

O objetivo do Programa é justamente esse: desenvolver competências de cidadania e ambientais na população de Craíbas, uma das cidades alagoanas onde está situado o Projeto Serrote, o qual entrará em operação em 2021 com o beneficiamento de concentrado de cobre.

Desses 121 inscritos, 44 são das comunidades rurais vizinhas ao empreendimento. Os 25 selecionados serão capacitados com uma rica ementa sobre educação ambiental; botânica; tratamento e disposição de resíduos; reciclagem; fauna e flora do bioma Caatinga; identificação de animais com riscos à saúde humana; conhecimento de entidades governamentais relacionadas à conservação do bioma; e outros módulos.

Por sua vez, o processo seletivo será realizado em duas fases. A primeira é esta prova objetiva sobre conhecimento práticos, tendo o tema “Meio Ambiente e Natureza”. O resultado dela será divulgado no dia 30 deste mesmo mês. Após essa etapa classificatória, nos dias 3 e 4 de outubro, haverá a segunda fase com entrevistas feitas por uma banca especializada aos 40 candidatos mais bem avaliados na prova.

A lista com o resultado dos 25 habilitados para o Programa Guardiões da Caatinga sairá a partir das 14h do dia 7 de outubro na Escola Municipal José Aprígio da Silva – também conhecida como “Escola do Pau Ferro” –, na Secretaria de Educação de Craíbas e no www.vale-verde.com.

Os encontros acontecerão apenas uma vez por mês, sempre no sábado e no domingo, com bolsa-auxílio de R$ 50 para cada participação. Isto é, R$ 100 por fim de semana concluído, somando R$ 1.200 no final do curso – os estudantes que participarem de 80% das aulas também receberão um certificado.

A iniciativa da MVV e SOS Caatinga promove, assim, a profissionalização e inserção dessas pessoas no mercado de trabalho, gerando trabalho, renda e cidadania.

Vale salientar que a participação no Programa não constitui qualquer vínculo empregatício com a mineradora, a ONG ou a Prefeitura de Craíbas.
Para mais informações, entrar em contato via WhatsApp pelo (82) 9.8189-6016.

Brasil abre fronteira aérea para o mundo
     │     15:20  │  0

Enquanto a Europa se desespera com o aumento do número de casos de covid-19, o Brasil se prepara para retomada da normalidade. A imunização natural da população brasileira vem ocorrendo de forma natural e gradativa.

E a partir dai o governo federal autorizou a entrada de estrangeiros, de qualquer nacionalidade, em todos os aeroportos do Brasil. A medida foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União de ontem (24) e prorroga, por 30 dias, a restrição à entrada de estrangeiros “por rodovias, por outros meios terrestres ou por transporte aquaviário.”

Em julho, o governo já havia liberado parcialmente a entrada de estrangeiros por via aérea, mantendo a restrição nos aeroportos de Mato Grosso do Sul, da Paraíba, de Rondônia, do Rio Grande do Sul e do Tocantins. Já no mês passado, a restrição atingiu os aeroportos nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, do Rio Grande do Sul, de Rondônia, Roraima e do Tocantins.

Desde que os voos internacionais e a entrada de estrangeiros por outras vias foram restringidos em março, em razão da pandemia da covid-19, o governo vem avaliando, mês a mês, as medidas que devem ser mantidas.

A entrada por estrangeiros por via aérea está permitida desde que obedecidos os requisitos migratórios adequados à sua condição, inclusive o de portar visto de entrada, quando este for exigido. Aqueles que vierem ao Brasil para viagem de curta duração, de até 90 dias, deverão apresentar à empresa aérea, antes do embarque, comprovante de aquisição de seguro válido no Brasil, para gastos de saúde.

A portaria conjunta assinada pela Casa Civil e pelos ministérios da Saúde, Infraestrutura, Justiça e Segurança Pública autoriza, excepcionalmente, o estrangeiro que estiver em país de fronteira terrestre com o Brasil e precisar atravessá-la para embarcar em voo de retorno a seu país de residência, a entrar com autorização da Polícia Federal e dirigir-se diretamente ao aeroporto. Para isso, deverá apresentar demanda oficial da embaixada ou do consulado do seu país e os bilhetes aéreos correspondentes.

FONTE PANROTAS