Lideranças querem explicações sobre reclassificação do aeroporto
   Mozart  Luna  │     20 de junho de 2020   │     12:35  │  0

O presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira (ABIH), em Alagoas, André Santos disse estar surpreso com a informação de que problemas políticos, travam o processo para homologação de reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares, em Alagoas. Segundo ele é preciso que tudo seja esclarecido e que principalmente a homologação seja realizada, e assim Alagoas possa se habilitar a receber aeronaves de grande porte para os voos regulares internacionais.

Jair Galvão, secretário de turismo de Maceió e presidente da Associação Brasileira Nacional dos Secretários de Turismo. 

O secretário municipal de turismo de Maceió, Jair Galvão, que também é presidente da Associação Nacional de Secretário de Turismo, se posicionou dizendo é preciso que todos se unam para a homologação seja realizada e lamentou também a informação de que haja qualquer tipo de retaliação política, por parte do Governo Federal contra Alagoas. “Se isto estiver ocorrer é lamentável e merece o posicionamento da bancada federal, como também enviar um ofício em nome da Associação Nacional de Secretário de Turismo solicitando informações”, disse ele.

O presidente do Maceió Convention Glênio Cendrin também se posicionou dizendo que é preciso que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) emita um comunicado oficial sobre o assunto. Segundo ainda ele, a reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares é muito importante para o desenvolvimento do turismo em Alagoas. “É um equipamento estratégico para o turismo e esperamos que tudo seja esclarecido e o nosso aeroporto seja reclassificado”, disse ele.

A concessionária Aena, que administra o aeroporto Zumbi dos Palmares, havia informando, 15 atrás, que estava buscando informações, junto aos órgãos responsáveis pela homologação; mas até aquele momento não havia obtido qualquer resposta. Procurada novamente no início dessa semana, pelo nosso Blog, a Aena não mais respondeu as nossas mensagens por e-mail, ou twitter, nem os assessores de imprensa atendeu a nossa ligação.

Nosso blog procurou também o ex-ministro do turismo e deputado Federal, Marx Beltrão, que também ficou surpreso com a informação de Alagoas estaria sofrendo retaliação política no caso da homologação da reclassificação do aeroporto. “Eu não acredito que esteja ocorrendo isso, mas vou procurar a Anac para saber porque até agora o processo não foi concluído”, prometeu ele.

História

O Blog Meio Ambiente e Turismo soube através de uma fonte em Brasília que o processo de reclassificação havia sido concluído em dezembro de 2019, e que estaria à disposição da Anac para ser homologado, mas por questões política entre o Governo Federal e o Governo do Estado, travaram a conclusão do processo.

A própria concessionária Aena, segundo uma fonte, já havia sido informada também do problema e buscava uma forma de solucioná-lo, mas até o momento, não obteve sucesso, preferindo ficar em silêncio, fugindo da responder a imprensa.

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *