Governo português restringe voos da TAP apenas para o Rio e São Paulo
   Mozart  Luna  │     21 de março de 2020   │     12:00  │  0

 

O Governo Português havia informando no início da semana que estavam proibidos voos para as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo, principais centros de ocorrência do coronavírus, mas ontem a determinação foi modificada para redução dos voos.

A TAP então anunciou a medida informando que vai reduzir temporariamente a sua operação para o Brasil para 4 voos semanais, sendo 3 voos semanais Lisboa–São Paulo e um voo semanal Lisboa–Rio de Janeiro, entre os dias 23 de março e 19 de abril.

O problema é que a situação se inverteu, já que os voos para regiões como o Nordeste onde os números de casos são menores ficará sem os voos. Os três principais aeroportos, Recife, Fortaleza e Salvador ficam sem os voos. Natal e Belém, Brasília e Belo Horizonte também ficam sem os voos da TAP. A suspensão dura até que as restrições sejam revistas pelas autoridades da União Europeia e do Brasil.

Segundo a companhia aérea a decisão foi tomada após os anúncios de restrições da União Europeia e do governo brasileiro, como principal medida de contenção do covid-19, combinado com a acentuada queda da procura, fatores que têm gerado inúmeros e sucessivos cancelamentos de voos e suspensões de rotas.
A TAP, dentro de suas atribuições, informa ainda que está disponível para ajudar em um possível repatriamento de passageiros, nos dois sentidos, em conjunto com as autoridades locais.

Os clientes afetados pelos cancelamentos de voos neste período poderão ir ao site refunds.flytap.com para obter o seu voucher no valor pago pela aquisição do bilhete, para que possam decidir tranquilamente a melhor época para viajar futuramente.

Este voucher permite viajar no prazo de um ano para qualquer destino operado pela TAP, reservando em www.flytap.com, sem necessidade de realizar contato com o Contact Center.

As informações são atualizadas continuamente em https://www.flytap.com/pt-pt/ultimas-atualizacoes.

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *