Polêmica sobre descida de Para-pent no mar de Porto de Pedras
   Mozart  Luna  │     6 de março de 2019   │     14:40  │  0

 

Um para-pent realizou um pouso forçado ontem no mar de Porto de Pedras, com duas pessoas que conseguiram ser resgatadas por um pescador em uma jangada que estava perto. Segundo os primeiros relatos de testemunhas em gravação, que foram colocadas na rede social, o equipamento teria fechando a parte de tecido que a faz planar e ela teria caído no mar aberto.

O piloto conhecido como David Garcia, o aparelho não “caiu”, mas realizou um pouso forcado devido ao vento forte lateral, que o obrigou ao fazer o pouso que foi realizado na água e não em terra. Segundo ele a passageira era uma mulher que não sofreu nenhum tipo de lesão como consequência do pouso forçado. Ele lamentou os comentários que estão fazendo do ocorrido.

Entretanto ele alegou que não tinha o contato da passageira e que ela havia ido embora depois de ter almoçado com ele.

Já na versão de populares e de pescadores que estavam no mar o aparelho despencou na água e as pessoas foram resgatadas, por um pescado que estava próximo. Em um dos relatos um dos pescadores disse estava difícil chegar ao local do acidente, porque a maré estava seca e sua jangada era pesada.

O piloto disse que o aparelho está as manutenções em dia e não afunda e que nunca houve foi um acidente fatal com esse tipo de aparelho. Segundo ele o que ocorreu foi um incidente, que o obrigou a realizar um pouso forçado na água.

 

Ainda não se sabe se haverá um inquérito policial para apurar o acidente e se este tipo de atividade comercial pode ser realizada com turistas. A Capitania dos Porto não se pronunciou sobre o assunto.

 

 

 

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *