Os sabores da comida afro-brasileira será apresentada em Maceió
   Mozart  Luna  │     13 de setembro de 2018   │     16:50  │  1

A culinária brasileira deve muito a cultura afro, que praticamente é a matriz, não só de nossa gastronomia, como também da música e nossa forma descontraída e alegre de vive neste país continental cheio de cores e swing tropical. Somos um povo multiracial que gosta de uma boa comida com sabores fortes e marcantes, fruto dessa mistura maravilhosa que forma a nação brasileira.

Neste sentido surgiu em Alagoas uma proposta deliciosa com muitos sabores, que nasceu aos pés da sagrada Serra da Barriga em 2013, na cidade de União dos Palmares, há pouca mais de 69 quilômetros de Maceió.  Trata-se do Restaurante Baobá Raízes e Tradições 2013. A inciativa  é das mulheres da comunidade quilombola da cidade de União dos Palmares.

Lá são servidas delícias que tem o tempero especial de história e muito amor, desde o preparo a acolhida daqueles que nos visitam por recepcionistas a caráter.

Uma vigem nos sabores e a cultura afro-brasileira

A proposta do Restaurante e Eventos Baobá Raízes e Tradições é proporcionar uma viagem, histórica, cultural, gastronômica, com destino ao primeiro e único parque temático afro-brasileiro do nosso país, o Parque Memorial Quilombo dos Palmares, que reconstituiu o cenário de uma das mais importantes histórias de resistência à escravidão ocorrida no mundo.

A iniciativa vem gerando emprego e renda e motivando a comunidade quilombola a preservar e promover sua cultura e partilhar com todos essa riqueza cultural gastronômica em um dos lugares mais lindos de Alagoas, na região do Quilombo dos Palmares, dando visibilidade aos artesãos do povoado remanescente quilombola Moquém e onde se pode passar o dia em contato com a natureza e aprofundando o conhecimento sobre um dos momentos mais importantes de nossa história.

Embaixadora Mãe Neide

A frente dessa iniciativa está Embaixadora da Gastronomia Alagoana Prêmio Dólmã 2018, Chef Mãe Neide Martins, mais conhecida como Mãe Neide Oyá D’Oxum, Ialorixá, Patrimônio Vivo do Estado de Alagoas e gastrônoma (vencedora do prêmio Dólmã-2018), personalidade feminina negra e líder religiosa, destaca-se no Brasil, pela sua atuação nos campos: religioso, cultural, social, e gastronômico voltado especialmente na culinária do sagrado, afro e indígena.

Nasceu na cidade Arapiraca, sendo fundadora do Grupo União Espírita Santa Bárbara (1984) e do Centro de Formação e Inclusão Social Inaê (1999) que tem como objetivo promover educação, cultura, saúde e geração de renda.

Beijos e Bênçãos ,

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *