Marechal Deodoro necessita de melhorias para o turismo
   Mozart  Luna  │     10 de setembro de 2018   │     20:44  │  1

 

A primeira capital de Alagoas, Marechal Deodoro é o terceiro destino turístico de Alagoas, ficando atrás no ranking do turismo, de Maragogi e Maceió. Essa colocação, para os vários empresários do turismo, ocorre porque o município está localizado na região metropolitana da capital e por está no trajeto dos roteiros de praias do Litoral Sul.

O município possui um forte apelo histórico, já que lá nasceu o proclamador da República do Brasil, o Marechal Deodoro da Fonseca e onde, até hoje, existe a casa onde ele nasceu e funciona um pequeno museu, com alguns moveis e objetos pessoais que pertenceram ao militar. Contudo a apresentação externa e interna da Casa Museu inspira melhores cuidados de conservação, apresentando em várias partes do imóvel a presença de mofo e em algumas paredes há sinais de desgastes. Precisando urgentemente também de uma pintura na sua fachada.

 

A rua onde fica a Casa Museu possui um conjunto de casarios antigos, alguns com mais de 120 anos, que necessitam de pintura e dá um péssimo aspecto de apresentação aos visitantes. Essa observação serve também para toda cidade em seu sitio histórico. Muitos dos templos católicos estão sem pintura externa e a sinalização turística é escassa.

No bairro histórico de Taperaguá, onde existe o templo católico mais antigo da cidade, que foi incendiado pelos holandeses, quando da invasão aos vilarejos. Na praça que fica em frente, podemos observar o acumulo de lixo, que segundo os moradores é fruto da falha na coleta de resíduos domésticos no bairro.

Segundo uma das moradoras, o mau cheiro é terrível e isso espanta os turistas que se arriscam em visitar a igreja que é tombada pelo Patrimônio Histórico, isso quando ela está aberta para visitação, um outro problema dos locais de visitação.

Marechal Deodoro precisa urgentemente melhorar as condições, como destino turístico. Melhor sinalização, pintura das fachadas da residências, limpeza urbana e fiscalização dos horários de abertura dos locais de visitação turística. Fica a observação para o terceiro destino turístico de Alagoas.

 

 

 

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. CARLOS HENRIQUE

    Cadê o Prefeito? primeiramente precisa mudar é a praia do francês, têm muitos ambulantes que você não tem sossego, além do que não poder ir a praia com um guarda sol, pois não tem espaço na areia, pois os donos da praia não dão espaço. E O PREFEITO CONTINUA INERTE, PODE!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *