Reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares pode ocorrer na próxima semana
   Mozart  Luna  │     19 de julho de 2018   │     17:44  │  0

Presidente da ABIH/AL Milton Ênio Neto esta acompanhado o processo junto como secretário estadual de turismo, Rafael Brito

O processo de reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares para categoria Delta (D), está bem mais perto do que se pensava, segundo o presidente da Associação Brasileira da Industria Hoteleira (ABIH), Milton Ênio Vasconcelos. Segundo ele isso poderá ocorrer até o final desse mês.

O presidente da ABIH disse ainda que dos mais de 80 itens exigidos pela Infraero e Anac, para reclassificação, restou apenas 18, que já constam plano ações que será cumprido pela prefeitura e entregue na próxima semana a Infraero.

Segundo Milton Ênio agora o processo está em sua fase final, já que a apresentação desse plano de ação apresentado pela prefeitura é o bastante para que a Infraero e ANAC homologuem a reclassificação do aeroporto Zumbi dos Palmares, para categoria Delta. Esta classificação possibilitará o estabelecimento de voos regulares internacional com aparelhos maiores, como o A 330, que a companhia aérea portuguesa TAP usa para os voos para o Brasil.

 Comitiva oficial em Lisboa 

“A reclassificação viabilizará o projeto que estamos trabalhando em Portugal para vender Alagoas como destino turístico na Europa”, declarou Milton Ênio. O projeto de captar turistas na Europa começou com a visita da comitiva oficial, em março desse ano, na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), onde vários operadores foram contatados.

Outro projeto que também está sendo trabalhado na Europa é a divulgação da região dos Cânions do São Francisco. Um projeto de marketing elaborado por uma operadora luso/brasileira, em parceira com empresários da região está pronto e foi apresentado ao Governo do Estado.

O projeto utilizará o aeroporto de Paulo Afonso na Bahia, localizado a 69 quilometros de Piranhas, com conexão de voos vindos de Salvador e Recife. A novidade é que se o aeroporto de Maceió for reclassificado, também vai entrar na rota desse projeto. A região dos Cânions do São Francisco terá portando três fortes destinos agregados e Maceió fará parte do projeto, trazendo para o Sertão de Alagoas grupos de turistas europeus dando início a uma fase histórica, para o desenvolvimento da região, tão sofrida pela seca.

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *