Restrições de voos podem ser suspensas pela Anac

 

Depois de uma grande expectativa finalmente o Conselho Consultivo da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) vai se reunir, na próxima terça-feira (10), às 9 horas em Brasília, para apreciar o Termo de Ajusta de Condutas (TAC), que suspende a portaria que restringe voos em 21 aeroportos no Brasil, inclusive o de Alagoas.

Segundo o ex-ministro dos transporte e deputado federal, Mauricio Quintella Lessa, houve uma reunião da diretoria da Anac, quarta-feira (4) onde ficou acertado que o TAC seria assinado. A notícia traz tranquilidade para a atividade turística em Alagoas, já que pela portaria baixada pela Anac, a partir de agosto nenhuma operação com novos voos seria permitido a partir de agosto.

Tal medida prejudicaria projetos que estão sendo trabalhados para trazer para Alagoas voos regulares da Europa, assim como também da Argentina e Chile, aumentando substancialmente o fluxo de turistas em Alagoas.

Histórico

A Portaria da Anac que restringe voos foi editado porque uma Pacto de Ajuste de Conduta (PAC), assinado pela Infraero em 2013, se comprometia em realizar adequações técnicas em vários aeroportos brasileiros, inclusive o de Alagoas. Entretanto os termos desse PAC nunca foram cumpridos por vários motivos, principalmente por falta de recursos orçamentários da Infraero.

O descumprimento dessas adequações causou a edição da portaria da Anac este ano, restringindo os voos em 21 aeroportos, a principio por questões de segurança e também porque o acordo firmado em 2013 não ter sido cumprido.

Desta vez o ministério dos transportes destinou cerca de R$ 10 milhões para dar inicio das obras de adequações dos aeroportos Zumbi dos Palmares, em Rio Largo, Gilberto Freire (Guararapes) em Recife e Santa Maria em Aracaju. Segundo o deputado federal Mauricio Quintella os recursos não são vultuosos, mas foi o que se conseguiu de última hora para atender as exigências da Anac.

“O importante agora é viabilizar a assinatura do TAC na próxima terça-feira para trazer tranquilidade aos projetos que estão sendo elaborados para viabilizar os voos no aeroporto Zumbi dos Palmares e assim aumentar o fluxo de turistas no estado, gerando emprego e renda em Alagoas e beneficiando vários municípios, inclusive Rio Largo, onde fica localizado o aeroporto,” finalizou.

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *