Prefeitos do Conorte se preparam encerrar lixões
   Mozart  Luna  │     20 de março de 2018   │     16:05  │  0

 

O Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento do Litoral Norte (Conorte) realizou em Porto Calvo uma reunião para acerta os detalhes da construção da estação de transbordo dos resíduos produzidos pelos municípios consorciados e encerramento dos lixões.

O presidente do Conorte, David Pedrosa disse que a área escolhida está em obras, onde estão sendo instalados os equipamentos para o funcionamento da estação de transbordo. Segundo ele a reunião realizada ontem foi para assinatura da adesão dos municípios consorciados e para definir alguns detalhes da logística de transporte.

Segundo David Pedrosa a instalação de um aterro sanitário é inviável financeiramente para os municípios que vivem uma crise sem precedentes e alternativa encontrada foi a construção de estações de transbordo, que é mais barata e não deixa acumular resíduos na região, sendo encaminhados para o local corretamente certificado.

Participaram da reunião 80% dos prefeitos que fazem parte do Conorte. Os gestores e seus representantes assinaram os termos de cooperação para funcionamento administrativo, operacional e financeiro da estação de transbordo.

Conorte

O Conorte é formado pelos municípios de Maragogi, Japaratinga, Porto de Pedras, São Miguel dos Milagres, Passo do Camaragibe, Matriz do Camaragibe, Porto Calvo, Jacuípe, Jundiá, Campestre, Joaquim Gomes, Novo Lino, Colônia de Leopoldina, Flexeiras e Barra de Santo Antonio. Na reunião de ontem faltaram alguns prefeitos para assinar o termo de cooperação.

O Consórcio existe há mais de seis anos e foi criado pelos ex-gestores que nunca tomaram a iniciativa para cumpria a lei federal 12.305/10, fato que está sob analise do MPE que poderá denunciar os ex-prefeitos pelo não cumprimento da lei.

Os atuais prefeitos, antes mesmo de assumirem os cargos se reuniram em dezembro de 2016, nunca reunião histórica em Japaratinga para discutir antecipadamente o problema. A iniciativa dos atuais prefeitos é levada em consideração pelas autoridades, já que desde que saiu o resultados das eleições todos buscaram se unir para solucionar o problema.

Estação de transbordo

A operacionalidade da estação de transbordo que está sendo instalada em Porto Calvo funcionará através do recolhimento do lixo dos municípios e seu transporte para a área da estação de transbordo, onde uma carreta estará a espera para receber os resíduos de todos os municípios e levá-lo para a Central de Tratamento de Resíduos (CTR) localizada no Pilar.

O local tem a finalidade apenas de reunir os veículos que trazem os resíduos das cidades integrantes do Conorte, para carregar outro veículo maior (carreta). Toda área da estação de transbordo é devidamente sinalizada e todo pessoal que trabalha é treinado para evitar o derramamento de lixo no solo. Até um local especial será instalado para enlonamento das carretas, que vão transportar o lixo até a CTR do Pilar. Todos esses cuidados que lixo caixa das caçambas das carretas durante o trajeto.

 

 

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *