Governo assina redução de imposto da aviação para Latam
   Mozart  Luna  │     16 de março de 2018   │     8:00  │  0

O Governo de Alagoas concede à Companhia Aérea Latam Airlines Brasil redução de percentual do imposto sobre o combustível a aviação, o QAV que era 17% e passa a ser 12%. A diminuição representa muito para viabilização do aeroporto Zumbi dos Palmares como rota dos voos regulares, aumentando o fluxo de turista.

Estarão presente a solenidade de assinatura do termo de concessão o governador de Alagoas Renan Filho, o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito e o  CEO da empresa Latam Airlines Brasil, Jerome Cadier. A cerimônia acontece nesta sexta-feira (16), às 12 horas, no salão de despachos do Palácio República dos Palmares, em Maceió.

As despesas com combustível representam cerca de 35% dos custos das companhias. Com a redução do tributo, a malha aérea da empresa em Alagoas será ampliada, com mais voos da LATAM para o Estado.

Além da LATAM, as companhias aéreas Gol e Azul também já contam com este benefício, que tornou o Estado mais competitivo no cenário nacional da aviação, rendendo mais de 500 voos extras durante a última temporada em Alagoas.

Para o secretário Rafael Brito a expectativa é que com a concessão de incentivos à LATAM, o número de voos da companhia cresça em Alagoas. “A assinatura do incentivo para a LATAM é mais uma conquista desta nova Alagoas, que já é líder em faturamento em agências como CVC e Flytour, além de atrair atenção do mercado internacional. Com mais voos chegando, mais turistas nos visitam e movimentam toda a cadeia produtiva do turismo, gerando emprego e renda para os alagoanos”, explica o secretário Rafael Brito.

TAP

O próximo desafio do governo do estado é colocar o aeroporto Zumbi dos Palmares na rota da companhia aérea portuguesa TAP. Entretanto tudo depende do Governo Federal, através da Infraero, que precisa investir em melhorias das condições do aeroporto.

Atualmente muitos problemas burocráticos, como a necessidade de reclassificação do aeroporto e investimentos na infraestrutura como ar condicionado, novas esteiras para malas, uma carreta de combustível para viabilizar a descida dos aviões A 330 e A 340, que atualmente só descem mediante concessão de uma licença extraordinárias, cercada de cuidados técnicos

O ministro dos transportes, Maurício Quintella, em entrevista ao nosso blog informou que a reclassificação do aeroporto depende tão somente agora de informações da Prefeitura de Rio Largo, que até agora não se posicionou sobre o assunto. Quanto à situação estrutural do aeroporto Zumbi dos Palmares, o ministro disse que o está sendo investido cerca de R$ 3 milhões no sistema de climatização, mas com relação ao veículo de abastecimento dos aviões ele estaria se informando com a Infraero.

A TAP possui voos regulares diários para as cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Natal, embora Alagoas seja um dos destinos turísticos do Nordeste, a companhia aérea portuguesa aguarda os investimentos no aeroporto Zumbi dos Palmares para negociar uma rota para Alagoas.

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *