Ambientalista fala sobre o Ano Internacional do Turismo Sustentável
   Mozart  Luna  │     25 de agosto de 2017   │     16:14  │  0

 

O advogado Marcelo Ribeiro, integrante da Comissão de Meio Ambiente e Urbanística da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nos enviou um artigo comentando a importância do turismo para nova sociedade e sua contribuição para preservação ambiental e para geração de emprego e renda:

“A Organização das Nações Unidas declarou 2017 como o Ano Internacional do Turismo Sustentável, iniciativa que tem como pressuposto principal evidenciar o potencial que tem a atividade turística como alavanca para a geração de empregos e distribuição de renda.  Estima-se que de cada 11 postos de trabalho gerados no mundo, 1 é ligado ao setor do turismo, respondendo por mais de 10% de todo o Produto Interno Bruto gerado no planeta.

Estes números impressionantes demonstram a necessidade de alçar à condição de prioridade o planejamento das ações voltadas ao incremento da chamada “indústria sem chaminés”, dentro de uma perspectiva que incorpore os conceitos de Sustentabilidade, quais sejam o vieses econômico, social e ambiental interagindo de forma harmônica e equânime, respeitando as limitações impostas pela preservação ambiental, espraiando de forma justa as riquezas geradas de forma a gerar o incremento da economia interna.

O turismo sendo bem estruturado e administrado de forma profissional tem a capacidade de contribuir significativamente para a preservação dos recursos naturais e proporcionar uma melhor qualidade de vida para as populações tradicionais.   Sob este aspecto, Alagoas possui incomensuráveis riquezas que precisam a todo custo ser preservadas e valorizadas, uma extraordinária diversidade cultural, paisagens deslumbrantes, além do internacionalmente famoso litoral de praias paradisíacas.

Diante de uma aguda crise econômica que vem causando estragos em praticamente todos os setores do mercado, com forte retração na geração de emprego e renda, é necessário mais do que nunca planejar com especial atenção as ações que propiciarão que o Turismo ocupe o lugar de destaque que lhe é devido, para isto precisamos investir maciçamente na qualificação da mão de obra, na infraestrutura dos meios de transporte, Segurança Pública, saneamento básico, fortalecimento dos órgãos municipais de comando e controle na área de meio ambiente, dentre outras ações fundamentais para viabilizar o fortalecimento da atividade turística em uma perspectiva de sustentabilidade e visão de futuro.

Não há mais espaço para improvisações e amadorismo, se efetivamente quisermos que Alagoas ocupe um lugar que lhe é devido como protagonista no cenário global da atividade turística, o momento é este aglutinar os atores públicos e privados em torno da causa comum do Desenvolvimento Sustentável para as presentes e futuras gerações”.

Marcelo Ribeiro

Advogado, Membro da Comissão de Meio Ambiente e Urbanística da Ordem dos Advogado do Brasil, Especialista em Gestão de Recursos Hídricos e Direito Ambiental.

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *