Traipu sedia evento nacional em defesa do rio São Francisco
   Mozart  Luna  │     3 de junho de 2017   │     8:09  │  0

O traipuense terá a oportunidade de matar a saudade do Museu Ambiental Casa do Velho Chico. Depois de sete anos, ele voltará ao município ribeirinho para uma temporada de duas semanas. A exposição itinerante que conta a história do rio São Francisco ficará à disposição do público da sexta-feira, 02, até próxima quinta, dia 13, das 9h às 21h, no Ginásio Helenildo Ribeiro, em Traipu.
O museu itinerante volta ao município para comemorar a Semana do Meio Ambiente e o Dia Nacional em Defesa do Velho Chico, celebrado em 03 de junho, em vários estados do País. A abertura do evento acontecerá na sexta-feira, 02, com a limpeza simbólica de toda a orla fluvial. “Ressaltamos que a limpeza é simbólica porque Traipu, hoje, é uma das cidades mais limpas do País”, frisa o secretário municipal de Meio Ambiente, Antônio Jackson.
O prefeito de Traipu, Eduardo Tavares, fará a abertura solene da Semana do Meio Ambiente e do Dia Nacional em Defesa do Velho Chico às 18h dessa sexta-feira. Para isso, será montada uma infraestrutura na orla do Velho Chico para receber o público. A programação terá início com uma missa. Em seguida haverá o lançamento do curta-metragem “Pedro e o Velho Chico” e do livro “História de Traipu”, do taipuense Jenner Glauber Torres.
Até 13 de junho, os traipuenses poderão participar dos painéis oferecidos pelo Museu Ambiental Itinerante Casa do Velho Chico. Haverá vários deles, sempre com temáticas ambientais que abordam, dentre outros assuntos, desmatamento, esgoto, salinização, transposição, barragens.
Também será contado um pouco da história do maior rio do Nordeste – e do povo ribeirinho -, através de suas lendas, cultura, artesanato, música. “O Museu Ambiental Itinerante Casa do Velho Chico é um instrumento de luta e defesa do Rio São Francisco”, ressalta o secretário Antônio Jackson.
Este ano, a campanha “Eu viro carranca para defender o Velho Chico” terá como tema a preservação do cerrado e da caatinga. O evento acontecerá, simultaneamente, em Traipu, que representará Alagoas; em Ibotirama e em Paulo Afonso, na Bahia; e no município sergipano, Propriá.

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *