Monthly Archives: dezembro 2016

Garantidos R$ 80 mi para ponte em Penedo
   Mozart  Luna  │     26 de dezembro de 2016   │     10:46  │  0

 

Projeto Executivo Ponte 04

O presidente do Senado Federal, Renan Calheiros anunciou que está garantido no orçamento do Pacto de Aceleração Econômica (PAC) União em 2017 R$ 80 milhões para obra de construção da ponte  entre Penedo e Neópolis. Segundo o prefeito Marcius Beltrão (PDT), a notícia foi dada pelo senador na semana passada, durante a inauguração da rodovia em Pindorama, distrito de Coruripe.

Segundo o prefeito a confirmação dos recursos no PAC 2 vai com certeza servir de incentivo para investidores, que desejam se instalar em Penedo e região. Marcius Beltrão disse que toda atenção está voltada para a obra de construção da ponte, que será um marco para consolidar o turismo não só em seu município, como em todo Litoral Sul de Alagoas.

A obra para construção da ponte Penedo/Neópolis está orçada em R$ 320 milhões. O projeto já está pronto graças a uma emenda parlamentar do então deputado federal Renan Filho, hoje governador do estado. Todo planejamento foi realizado através da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf).

Marcius Beltrão destacou também o empenho do ministro do turismo, Marx Beltrão (PMDB), que vem trabalhando muito para viabilizar vários projetos de infraestrutura, objetivando dar condições para instalação de empreendimentos turísticos, que pretendem se instalar se Alagoas.

MARCIUS BELTRÃO

Penedo vem recebendo investimentos para recuperação do acervo arquitetônico e também na urbanização da orla fluvial. O prefeito Marcius Beltrão anunciou também que as obras da construção do centro de convenções do município, deverão ser iniciadas em 2017. Segundo ele já estão liberados R$ 500 mil.

O auditório terá capacidade para mil pessoas e todos os equipamentos de primeira geração para viabilizar eventos de nível internacional. Esse investimento em centro de convenções, em Penedo coloca o município no roteiro nacional de eventos corporativos e também classistas como congressos, seminários e reuniões de grupos empresariais.

O prefeito disse ainda que sua administração vem se articulando estrategicamente na busca de investidores nacionais e internacionais para atrair para Penedo empreendimentos turísticos. “2017 será o ano que faremos acontecer muitos sonhos de desenvolvimento. Vamos colocar nossa cidade entre as mais visitadas do Brasil”, finalizou.

>Link  

Cidade de Maria encena nascimento de Jesus no dia 25
   Mozart  Luna  │     22 de dezembro de 2016   │     16:38  │  0

IMG_9398

O nascimento de Jesus será encenado pela terceira vez este ano na Cidade de Maria, no dia 25, a partir das 15 horas, em Craíbas, a 12 km de Arapiraca, na Região Agreste de Alagoas. O local tem capacidade para receber um público de 40 mil pessoas, com estacionamentos para mil ônibus, 5 mil carros e 10 motocicletas.

A Cidade de Maria é considerada o maior teatro a céu aberto do mundo, com 12 palcos elevados, moderno sistema de som e iluminação digital, além de ter um elenco com 150 atores e figurantes, todos da região do Sertão e do Agreste de Alagoas.

IMG_9407

O local foi especialmente planejado por arquitetos, historiadores e pesquisadores da época da dominação romana no Oriente Médio, precisamente em Nazaré e Jerusalém. Até um lago artificial foi criado para representa ao mar da Galileia. Um cenário fabuloso erguido em pelo semiárido alagoano e que todos os anos realiza dois eventos teatrais: o nascimento de Jesus e a Paixão de Cristo.

A Cidade de Maria foi inaugurada oficialmente há cerca de 3 anos e já  recebeu mais de 200 mil visitantes nos espetáculos religiosos que vem realizando, atraindo peregrinos de todas as partes de Alagoas e do Brasil. A expectativa dos organizadores do evento é que nos próximos cinco anos a Cidade de Maria se transforme no local de maior visitação turística religiosa do Brasil.

CIDADE DE MARIA 2IMG_9399

Este ano será cobrado acesso através da compra de ingressos no valor de R$ 20,00, que estarão à venda nas bilheterias na Cidade de Maria e também nas paróquias Católicas. Os recursos apurados com a venda dos bilhetes serão destinados a pagar os custos do evento e também para as comunidades cristãs que necessitam de recursos para obras de caridade.

Acesso

Para se chegar à Cidade de Maria basta pegar a AL-220, que passa por Arapiraca, e chegar ao acesso que é totalmente pavimentado. O local fica bem no coração de Alagoas, a 140 quilômetros da capital Maceió. São cerca de 2 horas de viagem. A rodovia está em excelente estado de conservação e sinalização.

Quem desejar pernoitar poderá procurar os hotéis em Arapiraca, com destaque para o hotel Sol Nascente, que fica às margens da rodovia AL-220, perto do acesso à Cidade de Maria. Lá, é possível encontrar todo o conforto necessário para hospedar os peregrinos.

IMG_9390

>Link  

Conselheira pede documentos da licitação dos passeios às Gales de Maragogi
   Mozart  Luna  │     20 de dezembro de 2016   │     21:21  │  1

IMG_7741

A conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas Rosa Albuquerque, numa decisão monocrática decidiu suspender a licitação que escolheu a empresa vencedora para coordenação do serviço de passeios às Gales de Maragogi. Em sua decisão a conselheira determinou que a prefeitura e o Conselho Municipal de Defesa de Meio Ambiente (Condema) forneçam os esclarecimentos, além da legislação pertinente, a cópia completa de todo processo.

A ação foi movida pela Associação dos proprietários de lanchas das taocas e Barra Grande (APLTBG) que alega que o processo não teria seguido o rito exigido em lei, como por exemplo, ampla divulgação e a realização de discussão em audiência com a participação do Condema.

A assessoria da Prefeitura disse que a conselheira foi induzida tomar uma decisão errada, baseada em argumentações falsas, visto que todo processo seguiu as exigências necessárias para realização do certame. Segundo ainda a assessoria da Prefeitura, ouve ampla publicação do edital no Diário Oficial do Estado e dos Municípios, além da realização de audiência pública para discutir o assunto.

Os diretores da empresa vencedora disseram que tudo será esclarecido devidamente pelos advogados perante o Tribunal de Contas do Estado com farta documentação comprovando que todo processo foi realizado dentro das normas exigidas em lei e também da forma mais transparente possível.

 

>Link  

Empreendimentos turísticos são reabertos no Sertão por ordem da Justiça Federal
   Mozart  Luna  │       │     10:40  │  0

IMG_8769

Os empreendimentos turísticos que estavam interditados no Sertão de Alagoas, voltaram a funcionar graças a uma liminar  concedida pela 14ª Vara Federal da Justiça, desde a última quinta-feira. A Justiça não viu nenhum risco ao meio ambiente no funcionamento deles, já que todos apresentaram robusta documentação comprovando que estão dentro dos critérios exigidos pela legislação ambiental.

Os empreendimentos foram interditados porque não apresentaram a licença ambiental para seu funcionamento, mesmo tendo muitos deles apresentado o protocolo de entrada dos pedidos de licença com mais de um ano. Outro o problema argumentado pelos fiscais foi o conflito de competência de instituições federais (Marinha do Brasil e Icmbio), que não conseguem se entender, quem tem a competência para autorizar a instalação de embarcações flutuantes no rio São Francisco.

IMG_8776IMG_8695

Para trazer tranquilidade às milhares de famílias que trabalham nas atividades turísticas em uma das regiões mais pobres do País, a Justiça se pronunciou concedendo a liminar de funcionamento, até que as licenças sejam concedidas.

Os empresários fizeram questão de destacar a ajuda e orientação que tiveram o Instituto de Meio Ambiente de Alagoas (IMA) e secretário estadual de turismo e desenvolvimento, Helder Lima para robustecer o pedido de liminar com dados técnicos sobre o funcionamento dos estabelecimentos turísticos.

IMG_8694

Emprego e renda

Os empreendimentos turísticos localizados nos municípios de Piranhas, Delmiro Gouveia e Olho D´Agua do Casado foram interditados no final desse mês pela Fiscalização Preventiva Integrada (FPI), sob a alegação que não tinha a licença ambiental. Os empreendimentos tem como princípio a divulgação da consciência ambiental, através do ecoturismo sustentável e atuam também como agentes voluntários de fiscalização da preservação do rio São Francisco e do bioma da caatinga. Alguns são integrantes do conselho ambiental da região e desenvolvem junto às comunidades a consciência da preservação do meio ambiente.

Atualmente os empreendimentos turísticos que atuam no Sertão de Alagoas geram cerca de 5 mil empregos diretos e indiretos, nos municípios de Piranhas, Delmiro Gouveia e Olho D´Água do Casado e Canindé do São Francisco em Sergipe. Essa atividade vem se constituindo no lastro da economia regional, tirando da miserabilidade milhares de famílias, que antes dependiam de programas sociais como o bolsa família.

IMG_8697

Os restaurantes instalados em Piranhas hoje empregam cerca de 350 pessoas, entre garçons, cozinheiros,  faxineiros e transportadores de alimentos. No setor de hotelaria e pousada são cerca de mi pessoas, entre arrumadeiras, psicineiros, motoristas e pessoal administrativos. Nas centenas de embarcações que realizam os passeios pelo rio o número de marinheiros e pilotos, mecânicos de manutenção chegam a 159 pessoas. A cadeira produtiva geradora de postos de trabalho se multiplica com fornecedores, artesãos e locadores de veículos e imóveis por temporada.

 

>Link  

Escolha da empresa que vai coordenar os passeios às Gales de Maragogi está dentro da legalidade
   Mozart  Luna  │     19 de dezembro de 2016   │     10:34  │  0

IMG_7691

O diretor da empresa Transamérica Turismo, Marcel Monteiro, vencedora do processo licitatório que vai coordenar a atividade turística dos passeios às Gales de Maragogi, rebateu as informações do advogado Renato Scalco, representante da associação dos donos de catamarãs que exploram o serviço no município. Segundo o diretor da empresa o processo licitatório foi transparente, aberto e amplamente divulgado desde o inicio do ano quando houve uma grande polêmica sobre sua abertura.

Marcel Monteiro disse que não há qualquer tipo de ilegalidade e que o processo licitatório foi cercado dos cuidados legais para sua realização. O empresário só lamentou a violência que foi praticada por algumas pessoas, que não têm ainda o conhecimento do que foi o processo licitatório.

O empresário Marcel Monteiro voltou a tranquilizar a todos afirmando que ninguém ficará de fora do serviço que já vêm realizando. “Pelo contrario vamos melhorar ainda mais a atividade levando para o município qualidade de serviço e mais turistas ainda, para garantir um fluxo constante durante todo ano”, enfatizou ele.

Marcel Monteiro disse ainda que a função da sua empresa será coordenar o serviço, disciplinando o passeio evitando problemas que causem prejuízos aos turistas e aos trabalhadores. “Nós seremos parceiros nessa atividade que é tão importante não só para Maragogi, mas também para todo estado”, declarou ele.

“Vamos também contribuir para o desenvolvimento do município, incrementando a receita própria da prefeitura que precisa muito de recursos para revertê-los em obras de infraestrutura que tanto a atividade turística precisa”, ressaltou ele.

 

>Link